quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Os Passos para o Plantio de Milho

O milho (Zea mays) é um conhecido cereal cultivado em grande parte do mundo. O milho é extensivamente utilizado como alimento humano ou ração animal, devido às suas qualidades nutricionais. O milho é originário da América Latina e, por ser muito utilizado, é hoje um dos grãos mais plantados. Sem dúvidas o milho é essencial para qualquer fazenda, pois tem inúmeras aplicações.

Plantio do milho

O plantio de uma lavoura de milho deve ser muito bem planejado, pois determina o inicio de um processo de cerca de 120 dias e que afetará todas as operações envolvidas, além de determinar as possibilidades de sucesso ou insucesso da lavoura.

Para se plantar o milho é necessário escolher de um local bem drenado, para que não ocorra afogamento da lavoura.


O solo não deve ser ácido, caso seja identificada acidez deve-se fazer um tratamento com cal para controlar a acidez.

Quando o terreno for em declive, o plantio do milho deve ser feito em curva de nível, o que evita enxurradas que podem destruir toda a plantação e que permite que a água da chuva penetre mais facilmente no solo, o que traz grandes benefícios para essa cultura.


Época para o plantio do milho

Ela começa, normalmente, com a chegada da estação das chuvas, que varia de acordo com a região do país. Os melhores períodos para o plantio do milho são:
  • No sul: de setembro a novembro
  • No norte: da segunda quinzena de agosto até o fim de outubro
Naturalmente, esses períodos podem variar, de acordo com o início das chuvas, que podem atrasar ou mesmo, chegar mais cedo.

Embora preferindo climas quentes, o milho é produzido, também, em regiões de clima mais ameno. Pode ser plantado de agosto até dezembro. Dele, no entanto, podem ser obtidas duas colheitas por ano. Para isso e para o maior aproveitamento do terreno, podemos plantar feijão e quando colhermos a sua safra das águas, em novembro ou dezembro, plantamos o milho em seu lugar, para ser colhido em abril e maio. Depois de colhido o milho, podemos plantar o feijão da seca em seu lugar. Fazemos, dessa maneira, uma rotação de culturas, utilizando o feijão, mas outra cultura pode ser utilizada em seu lugar.

Os plantios podem ser feitos com milho comum ou convencional, ou com os de variedades híbridas, cujos rendimentos são muito superiores. Existe, também, milho para usos especiais como, por exemplo, o milho para pipoca.


Plantação do milho

O milho deve ser plantado em linhas ou sulcos distanciados 1 metro e nos quais é colocada uma semente de 20 em 20 cm. Ela deve ser coberta por uma camada de 5 cm de terra ou em covas separadas 1 metro umas das outras.


Preparo do Solo

Para o plantio do milho, devemos preparar o solo fazendo uma aração com 20 cm de profundidade e depois, uma boa gradação, para quebrar os torrões e nivelar o solo, deixando-o pronto para o plantio. Quando o terreno não é plano, a plantação deve ser feita em curva de nível.


Tipos de plantio do milho

O plantio do milho pode ser manual, com enxadas ou plantadeiras. Nesse caso, as covas, com 3 sementes cada uma, devem ser separadas 50 cm umas das outras e em linhas com 1 metro de distância. Quando é usada uma plantadeira mecânica, as sementes de milho são plantadas de 20 em 20 cm.

Quando for utilizado adubo mineral, ele não deve encostar nas sementes, para evitar que elas se queimem. Em grandes áreas, todos os serviços de aração, gradeação, capina e colheita, devem ser mecanizados. Existem, para isso, arados, grades, capinadeiras e colheitadeiras motorizadas e de grande capacidade.

Capinas

A plantação deve ser mantida sempre limpa, livre do mato e de ervas daninhas. A primeira capina deve ser feita logo que o mato começa a crescer e deve ser repetida, quantas vezes forem necessárias, para proteger a lavoura. As capinas podem ser feitas manualmente, com enxadas ou com cultivadores com enxadinhas reguladas para afundar menos de 5 cm.


Colheita

Só deve ser feita quando o milho estiver com os grãos bem secos, o que podemos comprovar apertando um grão com a unha: se ele não ficar marcado é porque já está pronto e pode ser colhido.
Após a colheita, o milho deve ser conservado nas espigas, em paióis ou em outros depósitos, desde que limpos, arejados, ventilados, secos e protegidos de pragas, principalmente dos carunchos, das traças e dos ratos que, não só comem o milho, mas o destroem e nele urinam, inutilizando-o para o consumo. Todas as precauções devem ser tomadas para evitar tais prejuízos.


Maiores informações entre em contato com nosso atendimento online ou pelo e-mail atendimento@lojaagropecuaria.com.br

5 comentários:

  1. ache o texto muuuuuuuuuito bom!!!!obrigada....

    ResponderExcluir
  2. muuuuuuuito bom ese texto!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. muito obrigado
    foi muito eficiente pois tem muitas informações para o plantio de milho e segundo as informações esta no tempo certo para plantar milho
    agradeço pela ajuda

    ResponderExcluir
  4. O plantio de milho parece ser o mais simples de todos e é sempre um negócio muito rentável, o máquinário utilizado pode ser achado a um preço mais acessível clicando
    aqui nesse site, os cara tem de tudo, super recomendo.

    ResponderExcluir